Tchau 2020, vai embora logo por favor| Fechando Mais Um Ano De Spread SnowLove Everywhere

Redacional

Que ano foi esse hein? Até final de janeiro estava tudo procedendo dentro da normalidade… e de repente em fevereiro vozes e dúvidas começaram aparecer falando de um tal de vírus de origem chinesa que estava se alastrando e contaminando o mundo. De repente todos ficamos trancados em casa. Literalmente. Por semanas, meses! Desde então nossas vidas ficaram muito limitadas e todos tivemos que usar mascaras para nos proteger. A situação sanitária mundial foi afetada como nunca: foram suspensos voos, eventos, tudo! Até a ediçāo dos Jogos Olímpicos teve que ser cancelada. Muita gente (muita gente mesmo) sofreu com as consequências desse Covid-19… e nós, na nossa simplicidade, ficamos drasticamente sem neve! Pouco importou se a temporada no nosso continente estava registrando as maiores nevascas dos últimos cinquenta anos…. e agora que o inverno está no hemisfério norte também lá estão registrando abundâncias realmente surpreendentes! Porém a grande maioria de nós não irá conseguir brincar com esse ouro branco e pra voltar para uma “espécie de normalidade” deveremos aguardar alguns meses ainda, se não até mais!

Atualmente existem algumas poucas opções para conseguir esquiar: na Europa a maioria dos centros de esqui estão fechados ou operando exclusivamente para os atletas de interesse nacional. Sem contar com as grandes restrições de circulação que muitos países do bloco adotaram para conter as contaminações de Covid-19! Única excepção a Suíça que, além de receber “tranquilamente” os turistas, continua mantendo os centros de esqui operativos: o vídeo foi gravado na montanha de Titlis/Engelberg (CH) , mas a situação é similar nas outras estações de esqui, pois todos os fissurados para esquiar concentraram-se nestas localidades complicando, e talvez comprometendo, o tal de “distanciamento social”. Na América do Norte Canada e Estados Unidos fecharam as portas para o turismo internacional, porém com as devidas precauções, limitações e cautelas é possível esquiar na maioria dos ski resorts. Mas vale lembrar que a situação continua delicada e imprevisível para todos.

E com este bizarro ano bissexto já passaram-se cinquenta e cinco anos daquele icônico Natal que trouxe aquele brinquedo artesanal que ia servir basicamente só para distrair momentaneamente as filhas do Sherman…. dos quais mais de trinta vivenciados na pele e seguindo contando com a mesma alegria e joia que sempre me acompanham quando posso imbicar com o snowboard. Pena que minha próxima vez na neve irá demorar bastante, de repente até muito… tomara que nāo!! #Botafé 💪️🤞🙏️️

Spread #SnowLove Everywhere

ianny

ianny

...moro no Brasil, em uma ilha, e procuro neve, por paixão e por necessidade, o tempo inteiro, independentemente do mês ou do hemisfério. Sou snowboarder, goofy, mas provo prazer com todas as coisas que deslizam na neve, especialmente se são rápidas e harmoniosas com o contexto de montanha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *