X-Games Aspen 2021 | Freeski: resultados e vídeos

Competição de esqui freestyle

Desde que o freeski foi introduzido nos X Games, no final dos anos noventa, os melhores atletas competiram e impulsionaram a progressão do esqui explorando as disciplinas freestyle, quais halfpipe, slopestyle e, obviamente, big air. Era 1998 quando os primeiros esquiadores participaram nesse evento (as meninas foram liberadas só na edição sucessiva) e desde logo foi adotado esse termo para diferenciar os esquiadores de snowparks dos mais tradicionais skiers. Vale lembrar que porém o termo freeski foi usado por um bom tempo para indicar os praticantes de esqui freeride.

Com vários atletas importantes faltando na largada por culpa da situação pandêmica atual, o nível do big air (BA) feminino também parecia estar bastante comprometido até quando a esquiadora suíça Mathilde Gremaud reverteu a situação mostrando uma run sensacional que lhe faturou a terceira medalha dos X Games. Mathilde consolidou mais uma vez sua reputação por subir em todos os pódios de big air dos X Games nos quais participou.

Women’s Freeski Big Air
🥇 – Mathilde Gremaud
🥈 – Megan Oldham
🥉 – Eileen Gu

Com certeza uma das novas estrela que brilharam nessa edição foi a atleta chinesa Eileen Gu: a primeira atleta estreante nos X Games a ganhar três medalhas! Logo na primeira competição de big air Gu faturou o bronze, mas foi no superpipe antes e no slopestyle depois que a novada dominou as rivais levando dois ouros! Uma façanha essa inédita pois durante todos os vinte cinco anos de história dos X Games nunca aconteceu que um estreante conseguisse tal proeza!

Women’s Freeski SuperPipe
🥇 – Eileen Gu
🥈 – Cassie Sharpe
🥉 – Rachel Karker

Nico Porteous ganhou o ouro no X-Games Freeski SuperPipe em Aspen (EUA), tornando-se assim o primeiro atleta da Nova Zelândia a conquistar o pódio na disciplina. Vale lembrar que Porteous já ficou sob os holofotes internacionais pois foi o primeiro freeskier a realizar o double 1620 nos dois sentidos de rotação (esquerda e direita). Com dezenove anos o atleta fechou a competição na sua terceira de quatro runs: switch right 900, switch left double 1080, right double 1620 into the left double 1620 e completou com um left double flat 900.

Men’s Freeski SuperPipe
🥇 – Nico Porteous
🥈 – Aaron Blunck
🥉 – Birk Irving

Com pouca visibilidade e condições lentas no percurso, apenas cinco atletas participaram do slopestyle. E as três que conseguiram fazer uma run limpa (ou seja sem cair!!) saíram com medalhas. O nível estava muito baixo, bem abaixo das expectativas por um evento desse porte. Quem ficou super feliz com o resultado final foi a estreante Gu que faturou seu segundo ouro.

Women’s Freeski SlopeStyle
🥇 – Eileen Gu
🥈 – Isabel Atikin
🥉 – Megan Oldham

O atleta suíço Andri Ragettli dominou a prova de big air: desde logo mostrou para todos que teria ganho a competição. Começou de primeira com um inédito triple cork 1800 mute e em seguida uma outra manobra inédita, o triple cork 1260 safety. Em outra run finalizou com outro inédito triple cork 1980 mute que lhe faturou a pontuação única mais alta da noite! Simplesmente sensacional!

Men’s Freeski Big Air
🥇 – Andri Ragettli
🥈 – Antoine Adelisse
🥉 – Alex Hall

Seis anos após a vitória do último X Games, Nick Goepper retorna ao topo do pódio do esqui slopestyle. O atleta norte americano já dominou esta competição nos X Games Aspen por três anos consecutivos a partir da edição 2013. Também duas veze medalhista olímpico, Goepper com 26 anos provou neste domingo que ainda é um dos melhores do mundo faturando sua quarta medalha de ouro nos X Games.

Men’s Freeski SlopeStyle
🥇 – Nick Goepper
🥈 – Ferdinand Dahl
🥉 – Evan McEachran

Evento final na programação foi o Knuckle Huck no qual o atleta sueco Henrik Harlaut conquistou o último pódio desta edição dos X Games em Aspen (EUA)

Men’s Freeski Knuckle Huck
🥇 – Henrik Harlaut

Mais detalhes👉 X Games Aspen 2021

Pré-visualizar num novo separador

ianny

ianny

...moro no Brasil, em uma ilha, e procuro neve, por paixão e por necessidade, o tempo inteiro, independentemente do mês ou do hemisfério. Sou snowboarder, goofy, mas provo prazer com todas as coisas que deslizam na neve, especialmente se são rápidas e harmoniosas com o contexto de montanha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *