André Cintra se classifica para Sochi 2014 | Primeiro snowboarder brasileiro nos Jogos Paralímpicos de Inverno


Cortesia: Confederação Brasileira de Desportos na Neve (CBDN) – Rider: André Cintra

Uma incrível notícia acaba de ser divulgada nestas horas pelo departamento de imprensa da Confederação Brasileira de Desportos na Neve (CBDN): o atleta de snowboard adaptado André Cintra está oficialmente qualificado para representar o Brasil nos próximos Jogos Paralímpicos de Inverno que acontecerão em Sochi (RUS) em fevereiro 2014. E prestem bem atenção porque este é um marco inédito na historia nacional dos esportes invernais!! Parabéns André por esta magnifica conquista, mais um brasileiro representando o País na neve… e é um snowboarder!! #Yeah :D

Comunicado de imprensa:

André Cintra se classifica a Sochi-2014 e será o primeiro brasileiro nos Jogos Paralímpicos de Inverno

Atleta do Snowboard Adaptado teve vaga confirmada pelo CPI após cancelamento de prova na Nova Zelândia

André Cintra entrou para a história do esporte nacional. Com a classificação para Sochi-2014 já garantida, o para-snowboarder puxará a fila da primeira participação brasileira nos Jogos Paralímpicos de Inverno.

O brasileiro teve a vaga confirmada pelo Comitê Paralímpico Internacional (CPI) após o cancelamento das provas de Copa Mundo previstas para acontecerem em Cardrona (Nova Zelândia), as últimas previstas antes do fechamento da janela de qualificação. André ficou com a 19ª posição no ranking que classificou 32 snowboarders para Sochi.

“Estou muito feliz. Meu primeiro objetivo agora já foi cumprido”, disse o pioneiro atleta paralímpico brasileiro. “Tenho a consciência de que posso abrir as portas para novos atletas”.

Com o passaporte carimbado para a Rússia, André se focará, nesta temporada, na preparação para os Jogos. Além dos treinos físicos no Brasil – ele se alterna entre corrida, academia e kitesurfing, modalidade na qual foi descoberto pela CBDN –, o snowboarder viajará para o Chile, onde treinará com a equipe brasileira.

Antes dos Jogos Paralímpicos, também competirá fora do País. A expectativa é que ele faça entre 4 e 5 provas no hemisfério norte. “A experiência nas pistas de cross é muito importante e faz uma diferença tremenda. Quero me focar nisso”, projetou o brasileiro.

Stefano Arnhold, presidente da CBDN, comemorou o primeiro passo histórico para os esportes paralímpicos de neve do Brasil e projetou crescimento da modalidades para o futuro. “No começo, a gente preferiu ser mais conservador para classificar para 2014. Mas para Pyeongchang-2018, na Coreia do Sul, seremos mais ambiciosos”, afirmou.

O projeto paralímpico da CBDN é realizado em parceira com o Comitê Paralímpico Brasileio (CPB), que apoio a iniciativa. Andrew Parsons, presidente da entidade, também mostrou satisfação com a classificação de André Cintra. “Essa parceria bastante afinada fez o resultado aparecer. Então, quero dar parabéns à CBDN, na figura do presidente Stefano Arnhold e, principalmente, para o atleta. Parecia um sonho distante, mas agora se tornou realidade”, comentou.

Além de André, a o trabalho conjunto de CBDN e CPB financiam o ski cross country adaptado, que conta com o atleta Fernando Aranha, que está muito próximo do índice técnico que vale classificação para 2014. Os Jogos Paralímpicos de Inverno será realizado entre 7 e 16 de março do próximo ano, na cidade de Sochi (Rússia).

Felippe Rodrigues – Confederação Brasileira de Desportos na Neve (CBDN)

Mais detalhes e infos Confederação Brasileira de Desportos na Neve (CBDN) – André Cintra qualificado para Sochi 2014.

Gostou? Tem mais:

Sobre ianny

...moro no Brasil, em uma ilha, e procuro neve, por paixão e por necessidade, o tempo inteiro, independentemente do mês ou do hemisfério. Sou snowboarder, goofy, mas provo prazer com todas as coisas que deslizam na neve, especialmente se são rápidas e harmoniosas com o contexto de montanha.