Bruno Monti é bicampeão brasileiro de Ski Cross – Nevados de Chillán (CHL)


Bruno Monti

Mais boas notícias vindo da Confederação Brasileira de Desportos na Neve (CBDN). Desta vez os holofotes e as salvas de palmas são para Bruno Monti que acaba de ganhar o bicampeonato brasileiro de esqui na modalidade Ski Cross em Nevados de Chillán (CHL) durante a etapa da Super Continental Cup de Ski Cross, pela primeira vez organizada nas neves da América do Sul, onde o Bruno concluiu a prova em oitavo lugar geral atrás de feiras internacionais do circo branco desta modalidade. Em destaque também outro brasileiro: Pietro Marano, que com apenas 16 anos levou o título de vice campeão brasileiro 2011, iniciando oficialmente a própria carreira como atleta profissional da seleção branca do Brasil.


Christian Blanco – Pietro Marano – Bruno Monti

Comunicado de imprensa:

Bruno Monti conquista o bicampeonato Brasileiro de Ski Cross em Chillán, no sul do Chile

Durante a Super Copa Continental, atleta registrou pontuação suficiente para participar da Copa do Mundo da modalidade.
O atleta Bruno Monti acaba de conquistar o bicampeonato Brasileiro boo-box/Baby de Ski Cross, realizado em Nevados de Chillán, no sul do Chile.
O jovem de 21 anos registrou 76.80 pontos FIS (Federação Internacional de Ski) em sua descida. Com esse resultado, Bruno poderá participar de uma etapa da Copa do Mundo de Ski Cross. Essa é a primeira vez que um representante brasileiro disputará essa importante competição.
O segundo lugar no pódio brasileiro foi ocupado por Pietro Marano, de 16 anos. Em sua estreia como atleta profissional, ele também marcou mais de 50 pontos e poderá disputar etapas da Copa do Mundo da modalidade. Em sua melhor descida, Pietro marcou 62.80 pontos FIS.
“Essa foi uma tarde importante para o Ski Cross Brasileiro, pois dois atletas conquistaram a inédita pontuação para poder participar de etapas da Copa do Mundo caminho obrigatório para uma possível classificação para os Jogos Olímpicos de Sochi em 2014”, explica Stefano Arnhold, presidente da Confederação Brasileira de Desportos na Neve.
O atleta Christian Blanco ficou com a terceira colocação, terminando a prova em 44 segundos e 12 milésimos e conquistando 48 pontos FIS.
Ao todo, competidores de cinco nações estiveram presentes na Super Copa Continental, prova inédita no mundo e que contou com a organização da CBDN – Confederação Brasileira de Desportos na Neve.
Nessa competição, os canadenses ocuparam os lugares mais altos do pódio, tanto na categoria feminina quanto na masculina. A seleção chilena foi o segundo país a contar com mais atletas entre os vencedores.
Entre as mulheres, Marielle Thompson realizou uma excelente descida e conquistou a medalha de ouro, deixando para trás Kelsey Serwa, campeã Mundial e dos X-Games de Inverno deste ano e também outra compatriota, Mariannick Therer.
Na disputa masculina, Stanislas Rey marcou 240 pontos FIS e conquistou o primeiro lugar. O atleta que esse ano ficou com o quarto lugar nos X-Games superou o favorito da competição, Nic Zoricic, que ficou em segundo. A medalha de bronze foi para o também canadense Leduc Mathieu.

Michele Barcena – Coordenadora de Comunicação e Marketing da CBDN.

Mais detalhes e infos AQUI.

Gostou? Tem mais:

Sobre ianny

...moro no Brasil, em uma ilha, e procuro neve, por paixão e por necessidade, o tempo inteiro, independentemente do mês ou do hemisfério. Sou snowboarder, goofy, mas provo prazer com todas as coisas que deslizam na neve, especialmente se são rápidas e harmoniosas com o contexto de montanha.